Plantio

Em Goiás, município de Mineiros começa a se preparar para ser referência em silvicultura

Em Goiás, município de Mineiros começa a se preparar para ser referência em silvicultura

Produtores rurais vão participar do 1° workshop sobre florestas comerciais produtivas na região

No dia 17 deste mês, a cidade de Mineiros – localizada no sudoeste goiano – recebe o seu primeiro evento sobre silvicultura, fruto da necessidade de os produtores rurais, profissionais e estudantes de engenharia florestal de obterem mais conhecimento sobre as florestas plantadas.

A proposta dos organizadores

Continue lendo...

O mercado florestal para o pequeno e médio produtor florestal

O mercado florestal para o pequeno e médio produtor florestal

A produção florestal pode ser dividida em produtos madeireiros e não madeireiros. Geralmente, na produção de não-madeireiros são utilizadas flores, frutos, sementes, folhas, cascas, resinas e raízes que são extraídos, principalmente, de florestas nativas. Já na produção de madeireiros, há uma considerável participação das florestas plantadas, ofertando madeira para uso direto ou para produção de energia, carvão, celulose e papel, chapas etc.

Continue lendo...

Plantio de bambu é ideal para terras degradadas do Vale do Paraíba

bambu

É o que defende o engenheiro agrônomo e pesquisador Antônio Salgado, que estuda a cultura e outras plantas fibrosas há mais de 50 anos

A paisagem desértica do Vale do Paraíba pode ser modificada rapidamente com o plantio de bambu. Pelo menos é o que defende o engenheiro agrônomo e mestre Antônio Salgado, que estuda o bambu e outras plantas fibrosas celulósicas há mais de 50 anos.

Continue lendo...

Sistemas agrossilvipastoris com cedro australiano

Há diversas formas de se implantar espécies florestais junto com a agricultura e a pecuária, sendo as mais comuns por meio de consórcios ou sistemas agroflorestais

A introdução de espécies florestais em uma propriedade não é apenas uma decisão econômica. Diversos fatores devem ser considerados. Entre estes fatores estão a disponibilidade de mão de obra, a topografia, a aptidão da região, a imobilização da área escolhida durante os anos de produção, além de componentes culturais que devem ser levados em conta.

Se a propriedade já tem uma atividade agrícola ou pecuária, a dúvida tende a ser maior, pois apesar de ter a ciência de que a atividade florestal possa ser mais rentável, muitas vezes o proprietário simplesmente gosta do que faz, seja agricultura ou pecuária.

Há, no entanto,

Continue lendo...

A silvicultura e a mecanização

reflorestamento

Para a operação de plantio há uma demanda em tornar a operação mais automatizada possível, sendo que as alternativas apresentadas de maquinário não se mostraram viáveis

Com a expansão dos plantios de Eucalipto para as novas fronteiras, alguns desafios rapidamente são levantados, como por exemplo, a escolha do material genético apropriado, um programa eficiente de nutrição conforme as condições edafoclimáticas do novo sitio, o adensamento ideal da população. Porém dificilmente a mecanização da silvicultura naquela determinada região pioneira se coloca na pauta das situações a serem pensadas primordialmente.

Continue lendo...

Nova opção de fungicida contra a ferrugem no Eucalipto

039

A ferrugem é considerada uma das doenças mais severas na cultura do eucalipto no Brasil

O fungicida, de nome comercial Nativo, tem como foco o combate à Puccinia psidii, causadora da ferrugem no eucalipto. A doença ataca especialmente as plantações nas regiões Sudeste, Sul e no sul da Bahia. O fungicida já era autorizado para a cultura de algodão; grãos como arroz, aveia, feijão e trigo; frutas como banana, mamão, manga e goiaba, entre outras culturas.

Continue lendo...

Redes Sociais

Agenda de Eventos

There are no upcoming events.

Parceiros

Compelam Representações
Integração Madeiras Ltda
Integração Madeiras Ltda

Dicas em seu e-mail

Cadastre seu e-mail abaixo e receba dicas sobre reflorestamento em seu email.

Portal do Reflorestamento - Tudo sobre reflorestamento e sustentabilidade. Nós também estamos no Google+ e Facebook.