Bioenergia: o poder das florestas energéticas

Bioenergia: o poder das florestas energéticas

Embora ainda pouco conhecido, o bio-óleo tem grande potencial para substituir o petróleo, com vantagens, em várias aplicações. O bio-óleo é um combustível orgânico, renovável e derivado do processamento de resíduos agrícolas e florestais. Trata-se de um óleo negro e de odor característico que sai com alto rendimento do processo de pirólise ou degradação térmica acelerada.

Diversos resíduos foram utilizados nos experimentos realizados em uma planta-piloto (more…)

Continue lendo...

Linha de Credito para Projetos Sustentaveis: produtores desconhecem.

Linha de Credito para Projetos Sustentaveis: produtores desconhecem.

Tem dinheiro no banco, a juros baixos e para fazer uma produção mais adequada ao meio ambiente. Mas o produtor rural não sabe e não foi atrás. Em um país onde “o cobertor é curto” para financiar o agronegócio, está sobrando dinheiro em uma linha de crédito voltada especificamente para aquilo que tende a ser o “calcanhar de aquiles” do setor: a sustentabilidade ambiental. Criado em junho do ano passado, o Programa ABC (Agricultura de Baixo Carbono) tem R$ 2 bilhões que ainda não foram usados. Cada agricultor (more…)

Continue lendo...

Desenvolvimento Sustentável

O desmatamento é uma realidade vista em vários meios de comunicação no Brasil e seu controle ainda está longe de acabar. É visível também que é preciso alterar alguns hábitos para podermos ajudar nesse controle e reduzir as mudanças como no clima, deixando um futuro melhor para nossos filhos. Diante disso, reflorestar e não desmatar é o que devemos levar em consideração. Desenvolvimento sustentável se torna o principal assunto a ser debatido nessa situação.

De forma geral, o desenvolvimento sustentável é uma forma (more…)

Continue lendo...

Redução da área plantada de Pinus no país

Conforme informações divulgadas pelo Anuário Estatístico da ABRAF (Associação Brasileira de Produtores de Florestas Plantadas), os plantios de Pinus no Brasil tiveram uma ligeira redução (2,1%). No geral, a notícia não deveria ser alarmante, mas em algumas regiões a situação é grave. É o caso do Mato Grosso do Sul, onde as plantações no período de 2005 a 2010 foram reduzidas a um terço do total.

Na maioria dos casos os plantios de Pinus estão sendo substituídos (more…)

Continue lendo...

Como Aplicar iscas formicidas para formigas cortadeiras.

Como Aplicar iscas formicidas para formigas cortadeiras.

Uma das principais vilãs das florestas plantadas, as formigas cortadeiras tem se espalhado a cada ano que passa mais rapidamente. Responsável por grandes e graves danos as florestas de Eucalipto e Pinus, as formigas cortadeiras precisam ser erradicadas o quanto antes, após a sua descoberta. Uma das formas mais eficientes para o combate delas é através da aplicação de iscas formicidas nas plantações.

Alguns critérios básicos são necessários (more…)

Continue lendo...

Governo pretende ampliar florestas plantadas no País

As diretrizes para a estruturação de uma Política Nacional de Florestas Plantadas foram discutidas durante a 12ª reunião ordinária da Câmara Setorial das Florestas Plantadas, em Brasília.

Segundo o Ministério da Agricultura, o Brasil tem abundância de recursos naturais, solo, água e insolação, e a maior produtividade mundial, com 41 m³/ ha/ ano. Apesar das condições favoráveis, a área de florestas plantadas é relativamente baixa, com 6,7 milhões de hectares. A Finlândia, com 3,5% da extensão territorial do Brasil, tem 5,9 milhões de hectares de florestas plantadas.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Sustentável da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República (SAE), Eustáquio Reis, o maior desafio é criar (more…)

Continue lendo...

Redes Sociais

Agenda de Eventos

There are no upcoming events.

Parceiros

Compelam Representações
Integração Madeiras Ltda
Integração Madeiras Ltda

Dicas em seu e-mail

Cadastre seu e-mail abaixo e receba dicas sobre reflorestamento em seu email.

Portal do Reflorestamento - Tudo sobre reflorestamento e sustentabilidade. Nós também estamos no Google+ e Facebook.